NOME NOME NOME NOME NOME

13/05/2024

MOSSORÓ FICA FORA DO RANKING DAS 50 CIDADES MAIS VIOLENTAS DO MUNDO




O Rio Grande do Norte ficou fora do ranking das 50 cidades mais violentas do mundo. 
Os dados são de um levantamento da ONG mexicana Conselho Cidadão para a Segurança Pública e a Justiça Penal e faz referência ao ano de 2023.
De acordo com o levantamento, das 10 cidades brasileiras com mais mortes violentas, sete fazem parte da região Nordeste e três estão no Norte. 
Em comparação aos dados apresentados pela ONG em 2022, o Brasil melhorou os índices. 
No ranking anterior, a cidade mais violenta do país ocupava a 11º posição na lista e em 2023 ocupa a 19ª colocação.
Mossoró, que era a cidade mais violenta de 2022, deixou o ranking em 2023, assim como Natal e Vitória da Conquista. Caruaru, Macapá e Porto Velho, que não estavam no levantamento do ano anterior, entraram no ranking que indica as mais violentas. 
As cidades brasileiras mais violentas, de acordo com ranking mundial
19ª - Feira de Santana
27ª -  Manaus
31ª - Salvador
33ª - Recife
34ª - Macapá
37ª - Maceió
39ª - Fortaleza
41ª - Porto Velho
46ª -  Teresina
47ª - Caruaru
México, Brasil e Colômbia dominam ranking mundial
Entre os países com mais cidades no ranking estão o México com 16 cidades, Brasil com dez, Colômbia com oito e Estados Unidos com seis. África do Sul aparece com quatro cidades no levantamento.
Colima, no México, foi a cidade mais violenta do mundo pelo segundo ano consecutivo. A cidade, apesar do resultado, diminuiu o número de mortes violentas de um ano para outro, passando de 181,94 para 140,34 mortes por 100 mil habitantes.
A segunda cidade mais violenta do mundo é Ciudad Obregón, com 117,83 assassinatos por 100 mil habitantes. Em 2023, sete das 10 cidades mais violentas do mundo eram mexicanas.


 

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

 
Se inscreva no canal TV Passando na Hora no Youtube.
Inscreva-se