NOME NOME NOME NOME NOME

01/11/2021

COVID: CASOS AUMENTAM EM OUTUBRO, MAS RN REGISTRA MENOR NÚMERO DE MORTES DESDE ABRIL DE 2020




Estado registrou 60 mortes pela doença em outubro, contra 70 registradas em setembro.
Hospital de Campanha contra a Covid em Natal (RN) — Foto: Geraldo Jerônimo/Inter TV Cabugi

O Rio Grande do Norte registrou um aumento de casos por covid-19 ao longo do mês de outubro na comparação com o mês de setembro. Por outro lado, o estado teve o menor número de mortes provocadas pela doença desde abril de 2020 - no início da pandemia.
O mês terminou neste domingo (31) com um aumento do total de casos confirmados pela Secretaria de Saúde do Estado, que passou 3.586 em 30 dias de setembro para 5.065 casos nos 31 dias de outubro - uma diferença de quase 1,5 mil testes positivos a mais.
Por outro lado o número de mortes caiu no período. Em setembro, o estado registrou 70 mortes provocadas pela Covid-19. Em outubro o número caiu para 60. Foi o mês com menor número de óbitos desde abril do ano passado, quando foram registradas 56 mortes causada pelo novo coronavírus.
No domingo (31), a Sesap confirmou mais 349 casos de covid no RN e uma morte. Esse foi o maior número de novos casos registrados em 24 horas desde 19 de setembro deste ano. Com isso, o total de infectados durante toda a pandemia chegou a 373.684 potiguares.
Desde março de 2020, 7.397 pessoas morreram no estado por causa do doença.
Vacinação
Os especialistas atribuem a redução das mortes nos últimos meses à vacinação. Mais de 2,5 milhões de potiguares receberam pelo menos a primeira dose da vacina. O número representa mais de 70% da população do estado.
Quase 1,8 milhão de potiguares estão imunizados com as duas doses da vacina, o que representa cerca de 50% da população. Já a dose de reforço foi aplicada em menos de 159 mil potiguares, menos de 5% da população potiguar.
"Quando você está vacinado e adoece, a chance de que isso seja um caso leve é muito forte. Aquela covid que normalmente teria um quadro clássico no não vacinado passa a ter um quadro atenuado no vacinado", afirmou o infectologista Ion de Andrade.
Máscaras
O Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da UFRN informou que vai recomendar à Secretaria de Estado da Saúde Pública que flexibilize o uso de máscaras em locais abertos quando 70% da população adulta do Rio Grande do Norte estiver vacinada com as duas doses, o que deve acontecer em novembro. Porém, a Sesap diz que ainda é cedo para pensar em flexibilização.
Na última sexta-feira (29) o governo alertou sobre o aumento do número de casos e solicitou que a população conclua a imunização contra a Covid-19. Mais de 200 mil potiguares não foram tomar a segunda dose da vacina.

G1-RN

NOME

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

 
Se inscreva no canal TV Passando na Hora no Youtube.
Inscreva-se