NOME NOME NOME NOME

30/11/2020

HACKER INVADE SOLENIDADE VIRTUAL DE NAUGURAÇÃO DA FACULDADE DA UFRN EM CURRAIS NOVOS-RN E EXIBE 'CONTEUDO INADEQUADO'



Caso aconteceu nesta segunda-feira (30). Evento era aberto para população, porque a UFRN entende que a Faculdade 'simboliza um marco histórico no processo de interiorização'.
Faculdade de Engenharia, Letras e Ciências Sociais do Seridó (Felcs), da UFRN — Foto: Cícero Oliveira/UFRN
Um hacker invadiu uma solenidade virtual feita pela UFRN para a inauguração da Faculdade de Engenharia, Letras e Ciências Sociais do Seridó (Felcs), em Currais Novos, na Região Seridó do estado.
Depois de tomar a tela de comando do evento, o hacker começou a colocar "conteúdos inadequados", de acordo com a universidade.
Segundo a UFRN, "foi disponibilizado um link de acesso à sala virtual da cerimônia para que a comunidade pudesse participar do momento".
A universidade julgou importante a abertura da solenidade porque o evento "simboliza um marco histórico no processo de interiorização da universidade" e um sonho da população do Seridó.
"Contudo, como um usuário utilizou conteúdo inadequado, a organização do evento suspendeu, imediatamente, a sessão virtual e enviou um novo link para que a solenidade pudesse ser finalizada", disse a UFRN.
A cerimônia virtual, que teve a presença do reitor José Daniel Diniz Melo, também empossou o professor Alexandro Teixeira Gomes na Direção da Unidade Acadêmica Especializada até 2023. Ele será o primeiro no cargo.
“A criação da Felcs é extremamente simbólica e marca uma nova história da interiorização da UFRN”, disse Alexandro.
Felcs
Criada pelo Conselho Universitário (Consuni) no dia 27 de novembro de 2020, a Felcs foi desmembrada do Centro de Ensino Superior do Seridó (Ceres), com o objetivo de fortalecer o campus de Currais Novos em suas atividades de ensino, pesquisa e extensão.
“Hoje é um dia marcante para a história da nossa universidade. Aqui estamos em uma solenidade de importância singular”, disse o reitor Daniel Diniz.
Com 38 professores efetivos, 20 técnicos e cerca de 600 alunos, a Faculdade começa as atividades com quatro cursos de graduação.
Os cursos são Letras Português – Inglês, Letras Espanhol, Administração e Turismo, além de um curso de mestrado profissional em Letras e outros do tipo latu sensu. Há a previsão de iniciar ainda em 2021, o curso de Engenharia de Produção.
Ainda segundo a direção da unidade, o intuito é ofertar outros cursos na área das engenharias que serão planejados em diálogo com a sociedade para entender as necessidades locais.

G1-RN





comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

 
Se inscreva no canal TV Passando na Hora no Youtube.
Inscreva-se