NOME NOME NOME NOME

26/08/2020

MOSSORÓ ULTRAPASSA MARCA DE 6 MIL CASOS CONFIRMADOS DE COVID-19




Primeiro caso da doença em Mossoró foi confirmado pela Sesap no dia 22 de março. Município contabiliza 212 mortes pelo novo coronavírus.
Mossoró ultrapassa marca de 6 mil casos confirmados da Covid-19 — Foto: Dado Ruvic/Reuters/Arquivo
A segunda maior cidade do estado, Mossoró, na região Oeste, ultrapassou nesta semana os 6 mil casos confirmados do novo coronavírus. O primeiro caso de Covid-19 em Mossoró foi confirmado pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) no dia 22 de março. Até agora a cidade contabiliza 212 mortes pela doença.
Mapa do Coronavírus: veja os casos e mortes em Mossoró
Viaviane Melo é consultora de vendas e entrou para as estatísticas como caso confirmado da Covid-19. Ela contraiu a doença em maio e ainda hoje tem sequelas. “Não sinto cheiro, não sinto gosto de nada. E 25% do meu pulmão ficou comprometido. Ainda estou com problemas respiratórios, mas eu já fiz um novo teste e não estou mais com Covid. Eu não consigo fazer as coisas de casa ainda. Quando começo a fazer, fico cansada, aí eu paro. Sem falar o psicológico da pessoa, né? Porque eu passei um mês isolada”, conta.
Após cinco meses do primeiro caso confirmado da doença no município, as estatísticas indicam uma queda no número de novos casos. Isso tem se refletido também no número de leitos ocupados por pacientes infectados pela Covid-19.
Nesta quarta-feira (26), dos 48 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) disponibilizados para o tratamento de pacientes com a doença em Mossoró, 23 estão ocupados. Desse total, só seis pacientes residem na cidade. A taxa de transmissão também caiu e está abaixo de um, em 0,98.
“A gente pode considerar que apesar da gente ter chegado nos 6 mil casos, nós temos um número maior de pessoas testadas no município e nós também conseguimos reduzir a taxa de transmissibilidade. Tanto que o Hospital Regional Tarcísio Maia fez uma inversão nos leitos de UTI. Onde a gente tinha 20 leitos de UTI Covid, passaram a ser UTI geral e os 9 leitos de UTI geral, passaram a ser Covid”, destaca a Secretaria Municipal de Sáude, Saudade Azevedo.
Apesar dos números que indicam a redução na quantidade de pessoas infectadas, as autoridades ainda pedem cautela e que a população respeite as normas estabelecidas pra conter o novo coronavírus
“Nós estamos vivendo um momento de mais tranquilidade, vamos chamar assim. Mas nós continuamos em alerta, continuamos em pandemia. O vírus continua circulando na nossa cidade, no nosso país. E os cuidados ainda devem ser mantidos, como uso das máscaras, higienização das mãos e o distanciamento”, reforça a secretária de saúde.
Leitos de UTI instalados em Mossoró, no Oeste potiguar — Foto: Sesap/Divulgação
G1-RN






comentário(s) pelo facebook:

Um comentário:

  1. A coisa aqui ta complicada se não tiver cuidado vai fechar tudo só vai abrir Supermercado e Farmácia e posto de gasolina

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.

 
Se inscreva no canal TV Passando na Hora no Youtube.
Inscreva-se