NOME NOME NOME NOME NOME

19/04/2020

LÍDER COMUNITÁRIO BALEADO NA BARRINHA MORRE NO HRTM




O suplente de vereador e líder comunitário Genildo Epifânio de Oliveira, "Genildo da Barrinha" de 58 anos de idade morreu no início da manhã deste domingo 19 de abril de 2020, vítima de disparos de arma de fogo.
Ele estava internado no Hospital Tarcísio Maia desde o último dia 9 quando foi baleado na Comunidade da Barrinha onde morava com a família. Genildo estava com outras pessoas no interior de uma casa de jogo, quando foi surpreendido por dois homens que chegaram de moto, entraram no imóvel e começaram a atirar. (RELEMBRE)
Na ocasião um adolescente de 16 anos, foi atingido com um tiro no pescoço e morreu após ser socorrido para o hospital Tarcísio Maia. Já Genildo foi alvejado com 2 tiros na região torácica e também socorrido por populares para o HRTM, onde ficou internado até este domingo.
De acordo com informações, Genildo da Barrinha apresentou uma piora no seu quadro clínico, nas últimas horas e ele acabou não resistindo e morreu na unidade hospitalar. O corpo será encaminhado por uma funerária, para o Instituto Médico legal do Itep onde será examinado e depois liberado para os familiares.
Genildo Epifânio de Oliveira, foi candidato a vereador nas últimas eleições municipais, chegando a segunda suplência do legislativo mossoroense. Ele era líder comunitário na Barrinha, zona rural de Mossoró.
Até o momento, não há informações sobre motivação e autoria do atentado, que culminou com um duplo homicídio. A Polícia Civil, que investiga o caso, ainda não esclareceu, quem seria o alvo dos atiradores, se Genildo da Barrinha ou o adolescente que morreu minutos após o atentado. Com mais um homicídio, a cidade de Mossoró, chega aos 54 assassinatos em 2020.

Fim da Linha

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.