NOME NOME NOME NOME NOME

16/12/2019

PM PRENDE ELEMENTO DENTRO DE UMA CASA NO MOMENTO DO ASSALTO NO RINCÃO EM MOSSORÓ-RN



Militares do 12° Batalhão de Mossoró prenderam em flagrante Ramon de Souza Oliveira, de 21 anos de idade, acusado de vários arrastões na região do grande Alto de São Manoel em Mossoró.
Segundo informações do Major Lima, comandante do Batalhão, as Viaturas da Rocam, 1203, 1217 com o apoio do Fiscal de Operações da área, foram acionadas para a ocorrência com a informação de que dois criminosos estariam dentro da residência, fazendo um arrastão, com os moradores como reféns. 
A policia cercou a casa e prendeu Ramon, ainda dentro da residência, com os moradores em situação de reféns. O outro meliante conseguiu fugir, pulando os muros das residências vizinhas.
Fora da casa, foram encontrados os objetos que estavam sendo roubados juntamente com um carro que os criminosos tomaram de assalto de um casal que ia chegando em residência e uma moto roubada.
O acusado juntamente com o material roubado foi conduzido para os procedimentos na Delegacia de Plantão. 

O Câmera

comentário(s) pelo facebook:

4 comentários:

  1. Se a justiça não botasse estes criminosos na rua,haveria mais segurança.

    ResponderExcluir
  2. Se a justiça não botasse estes criminosos na rua... Haveria mais segurança.

    ResponderExcluir
  3. Se a justiça não botasse estes criminosos na rua... Haveria mais segurança.

    ResponderExcluir
  4. Ai eu digo os policiais fizerao seu trabalho corretíssimo nota 1000 agora essa justiça desse país vai soltar esse bandido é logo logo faz dinovo em quanto não tiver uma justiça correta nesse país nunca vai acabar isso agente que somos refém desses ratos imundos um bandido desse era pra cortar as duas mais dele como faz lar em um país na Arábia ai queria vê se ele queria fazer isso com a populaçao

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.