NOME NOME NOME NOME NOME

21/06/2019

[VÍDEO] IRRACIONAL: HOMEM É PROCURADO PELA POLÍCIA EM APODI-RN POR MALTRATAR UM CACHORRO. CRAVOU FERRO NAS COSTAS DO ANIMAL



Um homem identificado Magno, morador das Melancias Zona Rural de Apodi-RN, está sendo acusado de maus tratos contra animais. Segundo Graça diretora de uma ONG em Mossoró que cuida de animais abandonados, ela recebeu a denúncia que meio dia de quarta feira, a cachorra de raça de Magno estaria no cio e o cachorro estava atrás de pegar ela. 
Foi aí que ele enfiou um ferro nas costas do animal e saiu arrastando o mesmo, até uma boeira, dizendo que iria fazer o mesmo com qualquer cachorro que se aproximasse de sua casa. "Recebi a denúncia e achava que o animal tinha morrido, porém sabendo que estava vivo, pedi que as pessoas trouxesse o animal.  
Eles conseguiram gasolina com a Prefeitura de Apodi-RN, e eu recebi o animal que está sobre meus cuidados agora. Vou procurar a Delegacia e formalizar a denúncia para que ele responde por esse bárbaro crime". Disse Graça.  
Ela inclusive pede ajuda aos mossoroenses para manter a ONG. "Temos muita dificuldades após o Centro de Zoonoses ser desativado pela Prefeitura e pedimos ajuda do povo para continuar a manter esse trabalho que na minha opinião é de suma importância e de saúde pública. Tiramos animais das ruas com vários tipos de doenças contagiosas, como calazar entre outras. Então nós ajudem a manter essa ONG com qualquer contribuição na conta aí postada na foto. Finalizou Graça.





comentário(s) pelo facebook:

4 comentários:

  1. qdo chegar na cadeia vc vai aprender a judiar com animais viu peia pra 40 vc vai levar sozinho

    ResponderExcluir
  2. Quem mata gente não ta indo preso, quanto mais quem fura um cachorro vai, aqui é BRASIL meu povo.

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.