NOME NOME NOME NOME NOME NOME

22/11/2018

ACUSADO DE MATAR POR CAUSA DE DISCUSSÃO DE TRÂNSITO EM MOSSORÓ É CONDENADO A 4 ANOS DE PRISÃO NO REGIME ABERTO



O Tribunal do Júri Popular condenou o motorista Edson Gley Campos Amaral, 38, a 4 anos de prisão no regime aberto pelo crime de homicídio, ocorrido em 01 de setembro de 2012, no bairro Santo Antônio, em Mossoró.(RELEMBRE)
O julgamento aconteceu nesta quinta-feira (22), no Fórum Municipal Desembargador Silveira Martins.
O promotor Ítalo Moreira Martins e o advogado José Wellington Barreto concordaram com a tese de homicídio privilegiado. O Conselho de Sentença acatou a tese e condenou o réu pelo crime. O juiz Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros, presidente da sessão, aplicou a sentença.
Conforme o processo, Edson Gley, conhecido como Edinho, matou a tiros Françoa Lobo da Silva, às 23h do dia 1 de setembro de 2012, na Rua Miguel Soares de Andrade, no bairro Santo Antônio.
Na ocasião, os dois discutiram em um bar em virtude de um problema de trânsito, quando Edson Gley, sentindo-se ofendido, foi até seu veículo, pegou sua arma de fogo e atirou em Françoa Lobo, que morreu no local. Em depoimento à polícia no dia 10 de setembro de 2012, Edinho confessou o crime.

Mossoró Hoje
<

comentário(s) pelo facebook:

2 comentários:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.