Clicky

NOME NOME NOME NOME NOME NOME

03/12/2017

HOMEM TENTA MATAR EX COMPANHEIRA A TIROS POR NÃO ACEITAR FIM DE RELACIONAMENTO E ACABA PRESO NO ALTO DA CONCEIÇÃO EM MOSSORÓ-RN



O Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM), registrou um crime de tentativa de feminicídio por volta das 12:20hs deste domingo 03 de dezembro de 2017 em Mossoró no Rio Grande do Norte.
A ação criminosa ocorreu na Avenida Cunha da Mota no Alto da Conceição.
De acordo com as primeiras informações,o ex companheiro da vítima identificada como Cintya Tereza Viana Batista 32 anos,adentrou na residência e efetuou seis disparos de revolver calibre 38 contra ela sendo que uma das balas não foi deflagrada.
A Polícia Militar foi acionada chegou rapidamente no local e prendeu o autor do crime,identificado como José Josivan Batista conhecido como "Vavan" e apreendeu a arma utilizada na ação criminosa.
O acusado foi conduzido juntamente com a arma apreendida,para a Delegacia de Plantão e apresentado a autoridade policial para os procedimentos cabíveis.
Uma ambulância ALFA com suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192),foi acionada e conduziu Cintya Teresa para o Hospital Tarcísio Maia,e seu estado de saúde inspira cuidados.







comentário(s) pelo facebook:

3 comentários:

  1. so tentou e deisprou 6(SEIS) vezes???? e se tivesse ido pra matar ela??, na verdade ele nao so tentou ele foi pra Matar mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sr.santos,tentativa de homicídio é quando o algoz, não consegue atingir o objetivo;que é matar a vitima.entendeu agora?

      Excluir
  2. Lamentável, é um covarde e deveria pagar pelo crime no rigor da lei.
    Mas vejo nos comentários acima algumas feminazis aproveitando da situação para fazer propaganda desta ideologia maldita.
    Apenas lembrando que recentemente foi aprovado no congresso nacional uma mudança na Lei Maria da Penha (sob a relatoria do senador Aloysio Nunes - PSDB-SP)para autorizar que o delegado possam conceder medida protetiva de urgência às mulheres vítimas de violência doméstica (PLC 7/2016), mas o movimento feminista que supostamente deveria defender as mulheres fizerem movimento contra a mudança.
    Na minha opinião, como leigo no assunto, é que essa mudança iria proteger as mulheres, pois nem em todas as cidades tem juízes de plantão, e muitas vezes após a mulher fazer a denúncia precisa voltar para casa, onde irá encontrar o companheiro, o que em muitas vezes pode resultar em morte da mulher.
    Além disso, o projeto já prever que um juiz pode revogar a decisão do delegado, mas certamente a mulher se sentiria mais protegida caso a lei entrasse em vigor.
    Mas, por incrível que pareça, as feminazis foram contra, porque será, só porque foi projeto do PSDB e não do PT e seus puchadinhos ???.
    Então aconselho as mulheres de verdade que não se deixem serem usadas pelas feministas, elas apenas defendem as ideologias comunistas.

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.