Clicky

NOME NOME NOME NOME NOME NOME

21/07/2017

PRESO ACUSADO DE ATIRAR CONTRA POLICIAIS DURANTE PERSEGUIÇÃO EM MOSSORÓ-RN



Policiais Civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Mossoró, prenderam no final da manhã desta sexta feira 21 de julho, um homem acusado de tentar contra a vida de policiais militares, durante uma perseguição da PM.
De acordo com o Dr. Rafael Arraes, delegado da DHPP, Alexsandro Pereira Junior de 21 anos, residente na Rua Pedro Valamira Fernandes no Alto São Manoel em Mossoró, foi preso em cumprimento a um mandado de prisão, expedido pelo Dr. VagnoS Kelly de Figueiredo,juiz da 1ª vara criminal de Mossoró.
Alexsandro é acusado de Homicídio qualificado na forma tentado. Ele teria atirado contra policiais militares e foi denunciado pelo Ministério Público na prática do seguinte crime: art. 157, § 2º, I e II (três) vezes e art. 121, § 2º, V e VII, c/c art. 29, caput, na forma do art. 14, II (duas) vezes, todos do código Penal.
O fato se deu na noite do dia 10 de outubro de 2016 nas proximidades do Cemitério Novo, região da Quixabeirinha onde Alexandro Pereira em companhia de Luiz Moreira da Silva, trocaram tiros com policiais militares. Eles roubaram um carro tipo Pálio e depois de realizarem vários arrastões pela cidade, foram perseguidos pela PM.
Na troca de tiros,os dois foram baleados e socorridos pela própria policia para o HRTM. Luiz Moreira não resistiu e morreu ao dar entrada na unidades hoispitalar (RELEMBRE). Alexsandro depois de medicado, recebeu alta e foi preso, mas já estava em liberdade.
Após cumprir o mandado judicial, os agentes da DHPP conduziram Alexsandro Pereira à presença do delegado Arraes e depois dos procedimentos, o encaminharam ao ITEP para realização de exame de corpo de delito.
Após o exame.ele foi conduzido à Cadeia Pública, onde ficará a disposição da justiça.

comentário(s) pelo facebook:

Um comentário:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.