Google Analytics Alternative
NOME NOME NOME NOME NOME NOME

12/04/2017

POLÍCIA MILITAR É RECEBIDA A BALA NA FAVELA DO VELHO EM MOSSORÓ-RN



Policiais Militares da Radio Patrulha 1201,se encontravam em patrulhamento na tarde desta quarta feira 12 de abril de 2017,em uma rua da Favela do Velho (Malvinas),em Mossoró no Rio Grande do Norte local onde tem ocorrido vários homicídios nos últimos dias quando elementos não identificados efetuaram disparos contra os policiais.
Foi solicitado apoio e a viatura da FORÇA TÁTICA,e viaturas do 12° Batalhão foram até o local onde foi feito um cerco com  várias abordagens mas ninguém foi preso.
Um dos policiais acabou ferido na mão provavelmente por estilhaços de calibre 12.




Policial foi ferido na mão por estilhaços

comentário(s) pelo facebook:

7 comentários:

  1. MOSSORÓ VELHA SEM MORAL...POLÍCIA TÁ SEM MORAL....EXISTE ISSO? UNS VAGABUNDOS PÉ DE CHINELO ACOANDO POLÍCIA? SÓ AQUI MESMO VIU...TEM QUE RESPONDER À ALTURA!!!!

    ResponderExcluir
  2. sera possivel que vao deixar mossoro ficar igual as favelas Rio de Janeiro???

    ResponderExcluir
  3. Os bandidos estão aterrorizando a cidade cadê o governador faça alguma coisa

    ResponderExcluir
  4. Existe isso? Um bairro dominado por bandidos que impedem até o trabalho da polícia? Que vergonha.

    ResponderExcluir
  5. Iai PMS vao deixa esses escrotos fazerem isso, Mossoro e pequeno esses caras sao DOIDO ou querem ir para vala bem cedin mesmo.

    ResponderExcluir
  6. O governador não tá nem aí pra mossoro. Ele tá e preocupado pra não ser preso na lavar jato o que é seu tá guardado Robinson é dona prefeita

    ResponderExcluir
  7. Agente Mete Bala Msm é Essa Msm Hj Amanha Até o Fim Resposta do Primeiro Comando da Capital PCC

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.