Google Analytics Alternative
NOME NOME NOME NOME NOME

13/01/2017

HOMEM REAGE ASSALTO MATA UM E OUTRO É DETIDO NO NOVA BETÂNIA EM MOSSORÓ.



Dois elementos assaltaram por volta das 16:40hs desta sexta feira 13 janeiro 2017,um estabelecimento comercial na Rua Duodécimo Rosado no bairro Nova Betânia em Mossoró no Rio Grande do Norte.
Após a ação criminosa os dois saíram levando dinheiro da loja e dois celulares de funcionários.
Uma das vítimas saiu do estabelecimento e gritou em via pública que tinha sido assaltada.
Um popular não identificado passava no local e seguiu os dois que fugiam em uma moto Traxx vermelha até a Rua Jornalista Jorge Freire, próximo a TV Cabo Mossoró e reagiu atirando contra os suspeitos que estavam armados com um revólver.
O maior identificado como Francisco Arlindo de Melo, conhecido como “Chico” de 25 anos de idade, morador da rua Dom Jose Medeiros Leite, bairro Nova Betânia, que estava como garupa,foi baleado e socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU 192,para o Hospital Tarcísio Maia mas não resistiu e morreu ao dar entrada na Unidade hospitalar.
Já o adolescente de 17 anos que pilotava a moto e portava a arma de fogo,tentou fugir após seu colega cair baleado, mas foi contido por populares que estavam no local, conseguiram detê-lo e acionaram a Polícia Militar,foi apreendido e encaminhado à Delegacia de Plantão.Essa é a 8° morte violenta em Mossoró em 2017.

Imagens: Pablo Alves/Mossoró Atento

comentário(s) pelo facebook:

16 comentários:

  1. Parabéns a esse amigo filho de um anjo que matou esse vagabundo era pra ter matado o outro por isso que falo cidadão de bem tem que andar armado justamente nesse caso só assim acaba

    ResponderExcluir
  2. Vcs que gostam de toma o que dos outros vai acabar o povo não aguento mais todos estão se armando pra fazer como fizeram com esse merda ai vai tomar jumbo

    ResponderExcluir
  3. Ho NOTICIA BOA, Só presta se for assim, a se toda a população fizesse isso, queria ver VAGABUNDO tomar o que e dos outros.

    ResponderExcluir
  4. OH COISA BOOA MENOS UM.

    ResponderExcluir
  5. ERA PRA TER MATADO OS DOIS, VAGABUNDO QUE NÃO QUER TRABALHAR, SO QUER ESSA VIDINHA, VÃO PRO INFERNO.

    ResponderExcluir
  6. tooommaaa,vai roubar no inferno desgraça agora.

    ResponderExcluir
  7. Massa d+ ,vamos matar mais!

    ResponderExcluir
  8. Pq n mostra o rosto desse vagabundo que si diz meno infrator que eo estatuto do adolescente defender tando era pra morre também esse Vagabundo

    ResponderExcluir
  9. Ei essa conversa d apaizana e pra boi dormi quem matou foi o seguransa que dizem ser pm ele sequio eles e atirou por trax ele atirou em via poplica esse palhaço ali e cheio d criansa princando na rua foi encontrado cabisula nas casas pm mau qualificado inresponsaveu quando viu que tinha matado saio levaram o menino pro hospital so pra disfasar a merda pra não fazer perisia no local um verdadeiro arumado aquora vcs não tenha medo de postar não poste meu comentario

    ResponderExcluir
  10. Era para ter matado os dois vagabundos,

    ResponderExcluir
  11. Parabéns ai senhor popular merece uma medalha.

    ResponderExcluir
  12. meu Deus, o povo esta tao revoltado com os assaltos,que eatao reagindo, muito bom quando reage e se damos bem,o pior e que o vagabundo de menor assalta , mata um pai de familia,estrupa, etc e nao tem justica pra ele.mais o pai de familia reaje um assalto e quando tem a sorte de matar o bandido e se da bem , a justica vem que vem pra cuma deles.parabens pra esse cidadão do bem que seguiu esses bandidos e matou um ,na verdade era pra ter matado os dois.parabens mesmo.

    ResponderExcluir
  13. e o de menor fica impune ,q país e esse

    ResponderExcluir
  14. era pra ter matado o outro verme....levou sorte era pra ser dois a menos!

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.