Google Analytics Alternative
NOME NOME NOME NOME NOME

19/10/16

[VÍDEO] POLÍCIA CIVIL ELUCIDA HOMICÍDIO PRATICADO NO ANO DE 2013 EM MOSSORÓ



José Luzimar Batista Neto foi responsabilizado por mais um homicídio 
A Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), elucidou nesta terça feira 18 de outubro, mais um crime de homicídio provocado por disparos de arma de fogo, praticado  em Mossoró.
Desta vez o homicídio elucidado foi praticado contra a pessoa de Rogério Gadelha Alves que na época tinha 23 anos. Ele foi assassinado a tiros em via pública na noite de sábado 09 de novembro de 2013 na Rua Raimundo Pessoa Lima, no bairro Barrocas. Segundo o delegado da DHPP, Dr. Rafael Arraes, a investigação apontou como autor dos disparos que mataram o jovem Rogêrio, foi José Luzimar Batista Neto de 21 anos de idade.  
Rogério estava na calçada de casa quando foi alvejado com vários tiros e morreu na hora. O inquérito foi concluido com autoria do crime definida e remetido à Justiça, para que sejam adotadas as providências cabíveis. 
José Luzimar cumpre pena em regime fechado na Penitenciária Mário Negócio. Ele foi condenado recentemente pelo Conselho de Setença do Tribunal do Juri Popular, pelo assassinato do adolescente Michel Wesley Castro dos Santos, ocorrido no dia 18 de maio de 2013 na Rua Arthur Bernandes com Noêmia Chaves no bairro Barrocas.No dia 11 de Agosto de 2013 José Luzimar Batista Neto,foi preso em flagrante no momento que tentava tomar um celular de uma mulher, na Rua Monsenhor Gurgel no Abolição I, sob ameaça de uma revolver calibre 38, municiado.
Veja o vídeo da prisão AQUI!!!
Rogério Gadelha Alves foi assassinado em via pública no bairro Barrocas em novembro de 2013




Texto Fim da linha/Passando na Hora

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.