Google Analytics Alternative
NOME NOME NOME NOME NOME NOME

24/05/2013

77ª MORTE VIOLENTA EM MOSSORÓ EM 2013



Deyse Kelly Félix da Silva, de 2 anos, ainda foi socorrida com vida mas não resistiu
Morre a segunda vitima de uma briga de gangues no final da tarde de sexta feira 24 de Maio de 2013. “Deyse Kelly Félix da Silva” 02 anos de idade, residente em uma vila na Rua Calistrato Nascimento no Bairro Barrocas, foi alvejada na coxa esquerda com um disparo de arma de fogo durante uma perseguição e tiroteio envolvendo gangues do bairro e morreu horas depois.
Durante o tiroteio “João Maria da Silva” de 46 anos de idade, morreu no local e três foram socorridas com ferimentos provocados pelos disparos. Um dos adolescente feridos “G.C.O, 15 anos, foi encontrado caído dentro da casa com um disparo na cabeça e outro nas costas e precisou ser socorrido por uma Unidade de Suporte Avançado “Alfa” do SAMU par o Hospital Regional Tarcísio Maia.
O outro adolescente G.F de 16 anos de idade foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento do bairro Santo Antônio e transferido para o HRTM, mas chegou andando no hospital.    
Deyse de 02 aninhos, foi atingida na coxa esquerda com um disparo. A criança foi socorrida e após ser medica no Hospital Regional Tarcísio Maia, foi liberada. Segundo a mãe da criança “Simone Kelly” Quando chegou em casa a criança começou a sentir fortes dores e foi conduzida para a Unidade de Pronto Atendimento do Bairro Santo Antônio e não resistiu a gravidade do ferimento provocado pelo projetil.           
Um dos necrotomistas do Instituto Técnico e Cientifico de Policia, ITEP de Mossoró, disse que é possível que o projetil que atingiu a coxa da criança, tenha feito uma trajetória ascendente “Subiu” e atingido órgãos vitais importantes na região abdominal e não foi detectado pelo Raio X do Hospital. O que causou a morte de Deyse só será possível saber após o resultado da necropsia.  
Segundo informações dos policiais que atenderam a ocorrência, João Maria morava em uma rua próxima ao local do crime e teria entrado na residência para se proteger da chuva, quando foi surpreendido por dois indivíduos “G.C.O e J.F” que entraram na vila fugindo de outro elemento que já chegou atirando. João Maria e Deyse, foram as verdadeira vitimas dos disparos.      

comentário(s) pelo facebook:

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste blog. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
* NÃO SERÃO AUTORIZADOS COMENTÁRIOS COM PALAVRAS DE TEOR OFENSIVO COMO XINGAMENTOS, PALAVRÕES E OFENSAS PESSOAIS.